palhocense.jpg

Preparativos para a Parada da Diversidade 2017 em Palhoça

18 Maio 2017 08:19:33

Trio de organizadores promove evento neste final de semana, na Ponte do Imaruim, para começar a arrecadar fundos

Isonyane Iris
sense8-season-2-images.jpg

Com a proposta de arrecadar fundos para a Parada da Diversidade de Palhoça, o Confraria das Bebidas recebe, no próximo domingo, o evento Encontro da Diversidade – Festa. Com início marcado para as 14h, o evento, que será permitido apenas para maiores de 18 anos, conta com a presença confirmada do DJ Marcelo Rosa, que promete agradar os convidados com uma seleção especial de ritmos.
“Nós queremos mostrar a importância do apoio nessa causa, por isso gostaríamos de convidar todos para essa noite. A entrada será cobrada no valor de R$ 10, com o objetivo de arrecadar fundos para nossa Parada da Diversidade de Palhoça, que está prevista para agosto”, adianta Mauky Rocha, um dos coordenadores do evento.
O Confraria das Bebidas fica localizado na rua Papa Paulo VI, número 777, na Ponte do Imaruim, próximo à Ambev. É importante ressaltar que a casa cedeu o espaço para realização do evento como forma de apoio ao movimento LGBT, uma ajuda que contribui muito, mas que infelizmente não tem sido comum entre as demais casas da região de Palhoça. “Muitas casas atraem o público LGBT para seus eventos, mas não apoiam esse movimento. É como se o dinheiro do público LGBT servisse para manter essas casas, mas para dar o apoio e suporte na luta não tem. Entramos em contato com outros lugares, mas infelizmente todos negaram”, lamentam os organizadores Mauky e Castelli Ferraz.

Parada da Diversidade 2017
Com a proposta de promover a visibilidade das pessoas que compõe a classe LGBT, está prevista para o mês de agosto, aguardando apenas a confirmação da data, a Parada da Diversidade 2017 em Palhoça. Dessa vez, o evento conta com três organizadores importantes, Mauky Rocha, Casteli Ferraz e João Victor Califór, que prometem surpreender o município este ano. “Temos o objetivo de diversificar esse evento, visto que nos últimos anos temos perdido muito em questão de espaço, se tornando algo muito político”, destaca Ferraz.
Segundo os organizadores, o tema “Não somos uma sigla, a luta é de todos” foi escolhido com a proposta de ganhar forças nessa luta chamada preconceito. “Em prol da aceitação da sociedade como um todo, independente da orientação sexual e/ou gênero, classe social, raça ou etnia. Hoje temos lésbicas lutando por lésbicas, gays por gays, quando na verdade o preconceito atinge boa parte da sociedade”, destacam.
São esperadas mais de 5 mil participantes e por isso a organização luta por apoio e patrocinadores. “Estamos em busca de parceiros para pôr o nosso projeto da Parada da Diversidade nas ruas, já temos alguns, mas ainda é preciso mais. Para quem quiser contribuir e ainda ter conhecimento de quanto e de como o movimento está aplicando as doações basta acessar o portal vakinha.com.br através do link na página do Encontro da Diversidade no facebook: encontrodadiversidadeoficial.
A festa em Palhoça pode pegar carona na popularidade das festas da diversidade brasileiras, ainda mais em moda depois que a direção da série Sense8, produzida pela Netflix, decidiu filmar uma sequência de cenas durante a parada de São Paulo.


Parada da Diversidade 2017

Contatos dos organizadores

Mauky Rocha - 99667-9632
Castelli Ferraz - 99632-8339
João Victor Califór - 99152-8645

Imagens


logo palhocense.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina