palhocense.jpg

A Paixão de Cristo, na visão artística da Juventude Paroquial Nossa Senhora do Rosário

20 Abril 2017 14:52:42

1a.jpeg

Como de costume, a encenação da Paixão de Cristo, na Enseada de Brito, foi um show à parte nesta Páscoa. Todos os 1,4 mil lugares disponibilizados para a comunidade foram ocupados durante a apresentação, que aconteceu na Sexta-Feira Santa (14). Para quem não conseguiu um lugar entre os felizardos que puderam acompanhar de perto o trabalho detalhista e competente da Juventude Paroquial Nossa Senhora do Rosário, o Palhocense traz as imagens e um pequeno roteiro dos atos que fizeram parte do espetáculo. Confira e aplauda, leitor!

 

Ato 1 - Jesus vai a Jerusalém. Aclamado pelo povo como rei, ele entra na cidade. No caminho, cura pessoas e faz milagres.

Ato 2 - A mulher que há anos sangrava, vivia em hemorragia constante, foi curada por Jesus. O abraço simboliza o ato de gratidão a Jesus por sua cura.

Ato 3 – Jesus institui a eucaristia, e através do pão e do vinho, entrega seu corpo e sangue pelos seus amigos. Ali, os discípulos representavam a todos nós, que hoje somos convidados a sentar à mesa com Cristo. Neste momento, Jesus avisa aos discípulos que esta seria sua última refeição, e que ele seria traído.

Ato 4 – Jesus vai ao monte Getsêmani, e em oração ele põe seu futuro nas mãos de Seu Pai. Somente a Ele pertence o nosso amanhã, e Jesus foi obediente, pedindo a Deus que se fosse feita a Sua Vontade. Acompanhado de quatro de seus discípulos, Jesus suava sangue ao fazer seu diálogo com Deus.

Ato 5 - Após ser traído por Judas com um beijo, Jesus foi preso. No caminho até a casa onde estavam reunidos os sumos sacerdotes, eles reuniam-se para levar Jesus ao governador romano, para que ele o acusasse e o sentenciasse à morte.

Ato 6 – Ao ver que seu mestre seria condenado, Judas se enforca.

Ato 7 – Jesus é levado a Pilatos, para que fosse condenado. Porém, o governador romano não quis absorver esta culpa para si, enviando a questão ao rei Herodes.

Ato 8 – Herodes não se importa com a presença de Jesus e o desafia a provar-lhe um milagre. Chamando Jesus de louco e rindo dele, mandou que o tirassem de perto.

Ato 9 – Recebendo Jesus novamente, Pilatos o interroga e propõe que o soltem. O povo grita e implora por sua morte. Pilatos tenta não condenar a Jesus.

Ato 10 – Pilatos oferece ao povo escolher entre Jesus e Barrabás, e o povo escolheu Barrabás, libertando o assassino e deixando que Jesus ficasse preso.

Ato 11 – Pilatos ordena que Jesus seja açoitado. Seu sangue é espalhado pelo chão, resultado de tamanha violência.

Ato 12 – Maria seca o sangue de Jesus e sente sua presença ao passar pela prisão. Após todo o tormento passado amarrado e sendo açoitado, Jesus é preso.

Ato 13 – Os soldados colocam sobre Jesus um manto vermelho e o reverenciam com uma coroa de espinhos, zombando do homem que era chamado de rei pelos seus seguidores.

Ato 14 – Jesus é levado a Pilatos, que o devolve ao povo. Todos estavam irredutíveis com a sentença de Jesus. Pediam que ele fosse morto.

Ato 15 – Pilatos lava as mãos e entrega-o ao povo, para que seja crucificado.

Ato 16 – Sobre os ombros de Jesus, é colocada uma pesada cruz. No madeira estava o peso dos pecados de todo o mundo. A caminho do calvário, Jesus continuava apanhando e sofrendo. E ele cai pela primeira vez.

Ato 17 – Jesus cai pela segunda vez e Verônica seca seu rosto.

Ato 18 – Jesus carrega sua cruz pelo calvário, e quando cai pela terceira vez, Simão Cirineu, que era alguém do povo, carrega a cruz de Jesus, ajudando-o.

Ato 19 – Jesus é despido de suas vestes, que é sorteada entre os soldados, e toma sua cruz.

Ato 20 – Ferido em suas mãos e pés, Jesus é pregado no madeiro romano, quase sem forças. Cristo suplicava a seu pai que perdoasse seus malfeitores, pois eles não sabiam o que faziam.

Ato 21 – Jesus é crucificado, e aos pés da cruz estavam Maria e João, seu discípulo amado, a quem Jesus dirigiu suas palavras.

Ato 22 – Jesus morre, após horas de agonia pregado na cruz, que remiu nossos pecados.

Ato 23 – Jesus é retirado da cruz, posto no colo de sua mãe, reproduzindo a famosa imagem da Virgem da Pietá, de Michelangelo, onde Maria está aos pés da cruz, com o corpo de seu filho recém morto. Em seguida, Jesus é sepultado.

Imagens


logo palhocense.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina