palhocense.jpg

Sem Perder do Ritmo - Edição 563 - 10/11/16

10 Novembro 2016 12:05:27

Marquinhos Santos.jpg

MUDANÇAS
Cléber Giglio

A diretoria do Figueirense continua se iludindo e acreditando que o time ainda poderá sair da zona do rebaixamento. Antes mesmo do final da temporada, as mudanças começam a acontecer pelos lados do Scarpelli. Cléber Giglio não é mais o gerente de futebol, o nome do seu substituto não foi anunciado. Depois de tantas contratações equivocadas, já se esperava a demissão do profissional, resta saber o que mais vai ser feito daqui para frente para que o time possa voltar a dar confiança ao torcedor.
 

DECISÃO
O Avaí está bem próximo de conseguir o acesso, mesmo que a disputa tenha se tornado muito apertada. Dentro do G4, o time do técnico Claudinei Oliveira terá que ter muita tranquilidade e sangue frio nesta reta final. Avaí e Náutico farão um jogo daqueles que o torcedor gosta. Tensão, emoção, vibração e adrenalina estarão em torno desta partida que tem caráter absolutamente decisivo, tanto para o Avaí quanto para a equipe pernambucana. A Ressacada deverá lotar e certamente isso fará a diferença.


CORAÇÃO FORTE
Essa reta final da Série B vai exigir dos torcedores muito pensamento positivo e coração forte. Somente o Atlético Goianiense está garantido na Série A para 2017, enquanto os demais pretendentes às outras três vagas, terão que buscar mais alguns pontos para alcançar o objetivo. Bahia, Vasco e Avaí permanecem no G4, porém, Náutico, CRB e Londrina ainda reúnem chances de alcançar o acesso.


GRANDE MOMENTO
A  Chapecoense vive um momento único entre os catarinenses, Garantido na Série A para o ano que vem, o time aguarda o jogo de volta das semifinais da Copa Sul-americana e ainda poderá buscar uma vaga na Libertadores, através do Brasileirão. Isso é resultado de um trabalho bem feito da diretoria, comandada pelo presidente Sandro Palaoro, que soube montar uma equipe de trabalho competente.
 

SERÁ QUE FICA?
Ao longo do ano, o Figueirense trocou de treinador cinco vezes e, segundo o seu presidente, “se os resultados não aparecem, tem que mudar”. Dentro desse pensamento, o técnico Marquinhos Santos também deverá pegar a mala no final do ano. Sob o comando do treinador, o time conquistou apenas uma vitória nos últimos sete jogos.


SAI BRUXA
Para o STJD que continua amenizando as punições de jogadores de times grandes. Dois pesos e duas medidas.  

Imagens


logo palhocense.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina