palhocense.jpg

Sem Perder do Ritmo - Edição 562 - 03/11/16

03 Novembro 2016 11:31:16

Avaí.jpg

PAU QUE NASCE TORTO
A diretoria do Figueirense está se superando em termos de besteiras nesta temporada. Não contente com todas as decisões erradas tomadas este ano, anunciou mais uma lista de nomes que não fazem parte do esquema de trabalho do técnico Marquinhos Santos para 2017. Primeiramente é bom saber se o treinador está nos planos da direção do Figueirense para o ano que vem, para depois tentarmos entender essas decisões. Ao longo deste ano o presidente Wilfredo Brilinger protagonizou momentos lamentáveis, para não dizer ridículos, começando pela defesa do volante França, após mais uma das suas diversas confusões nas noitadas que participou. O jogador agrediu um cinegrafista, se envolveu em brigas e por fim foi encontrado, na última confusão da série, todo machucado, quase sem vida, em uma comunidade de Florianópolis. Mesmo assim, Wilfredo Brilinger convocou a imprensa para defendê-lo publicamente, como se alguém não soubesse o passado do França. Também poderiam ter sido evitados vários episódios envolvendo o Carlos Alberto, que deitou e rolou na noite de Florianópolis e dificilmente entrava em campo, porém, quando o jogador se recuperou e começou a ajudar o time dentro de campo, foi dispensado surpreendentemente, sob a alegação de ter agredido o jogador Dodô. Agora, nesta reta final da série, quando o time está praticamente rebaixado, anuncia uma lista de dispensa que inclui dois jogadores da base. Resumindo, começaram errado, continuam errando e, pelo jeito, vão continuar no erro. Salve-se quem puder.


QUASE LÁ
O Avaí vive a expectativa de conquistar mais duas vitórias e alguns empates para se garantir na série A de 2017. O time comandado por Claudinei Oliveira precisa confirmar os resultados dentro da Ressacada para chegar ao acesso. O objetivo está próximo, porém, a concorrência é muito grande. No meu modo de avaliar, além do Avaí, Náutico, Bahia e Londrina brigam diretamente por duas vagas, enquanto CRB e Luverdense, dependem de combinações para continuarem vivos nessa briga. Os confrontos diretos do Avaí contra Náutico e Londrina devem definir com quem ficarão as vagas no G4 da Série B.


COMPETÊNCIA
A Chapecoense vem demonstrando como um trabalho bem feito de uma diretoria pode influenciar diretamente nos resultados dentro de campo. O time de Chapecó deve garantir a sua permanência na série A para o ano que vem nas próximas rodadas e além disso, está nas semifinais da Copa Sul-americana. Um grupo bem formado, bem dirigido e com os objetivos traçados e alcançados ao longo do ano.


SAI BRUXA
Para a insuperável incompetência da diretoria do Figueirense, que neste ano se superou em termo de besteiras.

Imagens


logo palhocense.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina