palhocense.jpg

Riqueza

13 Julho 2017 11:37:01

Amauri

Estou velho, aposentado,

Não sou rico de dinheiro,
E vivo só, 
quando lembro um miúdo menino,
pisando no gelo,
era tão pobre,
que chega até me dar dó.
Mas a vida é um sopro suave,
Um sonho. 
E eu vivi este sonho,
De grandeza tamanha, 
Que dinheiro no mundo,
Nenhum,
Haverá de comprar,
Não estão à venda,
Só quem tem
É quem pode doar.


logo palhocense.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina