palhocense.jpg

Bugre 100% em casa

27 Julho 2017 10:28:16

Após a vitória por 2 a 1 em cima do Fluminense, Guarani tenta superar o Operário de Mafra neste sábado (29)

Atacante ThiagoResultado.jpg
Foto: Antônio Miguel/guarani/divulgação

Depois de confirmar a terceira vitória em casa no domingo (23), quando venceu o Fluminense de Joinville por 2 a 1, o Guarani tenta manter os 100% de aproveitamento no Estádio Renato Silveira neste sábado (29), às 15h30, diante do Operário de Mafra, pela sétima rodada da Série B do Campeonato Catarinense.
O Bugre chegou a 10 pontos na competição com o triunfo diante do Tricolor joinvilense. Uma vitória conquistada somente aos 45 minutos do segundo tempo. Mas isso não diz o que foi o jogo. O anfitrião teve mais posse de bola e o domínio das ações ofensivas durante todo o jogo. O Fluminense jogava no erro do adversário (e o Guarani errou muito na saída de bola, principalmente no primeiro tempo) e na força da jogada aérea em lances de bola parada.
Se tivesse caprichado mais no chamado “último passe”, aquele que define uma jogada de ataque, ou mesmo nas finalizações, o Guarani poderia ter saído para o intervalo com uma boa vantagem no placar. Foram cinco situações de gol criadas (duas delas claríssimas, com Fábio Amorim e Gabriel Braga; o goleiro Gefferson salvou o Fluminense nos dois lances) antes dos 43 minutos, quando finalmente as redes balançaram diante das cerca de 100 pessoas que compareceram ao estádio para acompanhar a partida. Após grande jogada individual de Fábio Amorim, o volante Gabriel Baralhas infiltrou na área para marcar seu primeiro gol com a camisa do Bugre.
O Fluminense empatou três minutos depois: após uma cobrança de escanteio, Matheus escorou a bola para o gol. 
No segundo tempo, o meia Giba tomou conta do jogo e foi criando as principais jogadas do Guarani. Aos sete minutos, obrigou o goleiro adversário a realizar uma grande defesa em um chutaço de fora da área; aos 10, outro disparo, rasteiro, passou rente à trave. O Bugre dominava, mas o gol não vinha. Aos 28, o técnico Sérgio Ramirez precisou substituir o zagueiro Andrey, machucado. Precisando da vitória para se manter na briga pelo título do turno, o treinador promoveu a entrada do atacante Juliano Levak e recuou o volante Bruno Caprioli para a zaga.
Logo no primeiro lance em campo, Levak teve a chance de recolocar o Guarani à frente no placar, mas foi travado pelo goleiro no momento da finalização. Ele teria outra chance aos 45 minutos, após uma bela arrancada do meia Giba, que avançou pela direita e cruzou rasteiro. O atacante pegou mal na bola, mas o “erro” acabou deslocando o goleiro do Fluminense, que só acompanhou a bola deslizando em direção ao gol, no contrapé. Foi o terceiro gol de Levak nesta Série B do Catarinense.
Depois do jogo contra o Operário, em casa, o Guarani viaja para encarar o Marcílio Dias, na quarta-feira (2), pela penúltima rodada do turno.

Joguinhos Abertos
O equipe sub-17 do Guarani representa Palhoça na fase final da 30ª edição dos Joguinhos Abertos de Santa Catarina, que está sendo disputada em Caçador.  A equipe treinada pelo técnico Rafael Piccinin chegou a esta etapa com 100% de aproveitamento e manteve a escrita.
Palhoça integrou o Grupo B, ao lado de Caçador, São Bento do Sul e Rio do Sul. Na segunda-feira (24), vitória por 1 a 0 na estreia diante do time da casa, gol de Lucas Emanuel. Na terça (25), nova vitória por 1 a 0, sobre São Bento do Sul, gol do artilheiro da equipe sub-15, Brayan, que reforça o grupo em Caçador. E nesta quarta (26), o time palhocense goleou Rio do Sul por 5 a 0, gols de Brayan, Pedro, Luis Fernando, Lipe e Sandro.

 

Série B
Classificação
1º) Hercílio Luz e Marcílio Dias – 13 pontos
3º) Guarani e Camboriú – 10 pontos
5º) Barra – 9 pontos
6º) Operário – 7 pontos
7º) Fluminense – 6 pontos
8º) Juventus – 5 pontos
9º) Jaraguá e Concórdia – 4 pontos

Jogos que faltam para o Bugre no turno
29/07 – Operário (c)
2/08 – Marcílio Dias (f)
6/08 – Barra (c)

Regulamento
A equipe que somar mais pontos será considerada campeã do turno.
Os campeões de turno e os dois melhores clubes pelo índice técnico fazem a semifinal da Série B
Caso um mesmo clube conquiste os dois turnos, já será declarado o campeão do torneio. Neste caso, as duas melhores equipes pelo índice técnico disputam o vice-campeonato
Campeão e vice sobem à Série A em 2018

Imagens


logo palhocense.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina