palhocense.jpg
Auto Peças Palhoça 591 Site.jpg

Cartão Rosa - Edição 579 - 09/03/17

09 Março 2017 10:55:16

16938621_770007403158046_3257272427387286411_n.jpg

Pensamento do Bambi
Se você perder os seus brincos, não se abaixe par procurá-los... Pois você pode perder também o anel.


Copa Libertadores
Depois das fases preliminares, agora sim, a Copa Libertadores começou pra valer. Com 32 clubes divididos em oito grupos, a maior competição da América começou com a participação de oito clubes brasileiros. Atlético Nacional (COL), Estudiantes (ARG), San Lorenzo (ARG), Nacional (URU), Peñarol (URU), River Plate (ARG), Atlético/MG, Santos, Flamengo, Grêmio e Palmeiras, são os onze clubes que já levantaram a taça. Os uruguaios Nacional e Peñarol são os clubes que mais disputaram a Copa, com 44 vezes, sendo que o Peñarol com cinco títulos é o que mais conquistou a América. O Santos, com três taças, é o clube brasileiro com mais conquistas. Santa Catarina está sendo representada pela Chapecoense. É o segundo clube catarinense a nos representar ao lado do Criciúma.


Zona verde
Esta semana, alguns funcionários que trabalham no trânsito de Palhoça estiveram na rua 31 de Março, da Concasa, na Ponte do Imaruim, fazendo medições daquela via que possui um grande fluxo de veículos. Com muitas dificuldades na hora de estacionar, principalmente no maior bairro do município, os moradores daquela rua poderão se surpreender, caso a Prefeitura venha a implantar o sistema de Zona Verde por ali. 


Que praga
Por pouco um dos maiores clássicos do futebol brasileiro não fica sem público ou apenas com uma torcida. O Fla-Flu que decidiu o título da Taça Guanabara iria perder o seu brilho. A situação está cada vez mais complicada em relação a esta praga chamada “torcida organizada”, que cada vez mais afasta o torcedor, aquele que realmente vai à campo torcer pelo seu clube. Essas deliberações de interditar estádios ou proibir a presença do torcedor de times nos jogos são medidas paliativas. O que tem que acontecer é acabar, de vez, com essas desgraças. É claro que tem pouquíssima gente boa no meio, mas a grande maioria é bandido travestido de torcedor.


Time irregular
O Figueirense terminou a primeira fase do Campeonato Catarinense vencendo. Foi a primeira vitória do Alvinegro fora do Scarpelli. Pra conquistar seus primeiros três pontos, Marcio Goiano fez cinco mudanças em relação ao time que empatou com o Paraná. Pra este segundo turno, a grande pergunta que o torcedor alvinegro se faz hoje é que Figueirense temos hoje? Qual Figueirense irá jogar esse returno? É o Figueira que joga bem, empata com o Avaí e vence o Metrô, ou aquele que fez insignificantes jogos neste Catarinão? O elenco até aqui continua sendo um time irregular. Acredito no trabalho de Marcio Goiano, que deverá trazer um time bem mais vivo.


Pra  manter o ritmo
O Avaí levou a Taça Atlético Nacional de Medellín sem vencer o modesto time do Internacional de Lages. O Leão já havia conquistado o turno antes mesmo de entrar em campo. O empate em 1 a 1, jogando com um time praticamente reserva, diante de um pequeno público na Ressacada serviu apenas para confirmar os méritos mais que merecido de melhor time nesta primeira fase do Catarinão. Agora basta os comandados de Claudinei Oliveira manterem o ritmo e ganharem o returno para colocar as faixas de campeão estadual, sem a necessidade de uma final.


Todos contra um
Esse negócio de conquistar o primeiro turno dá uma certa vantagem ao time vencedor. Mas, na prática, nem sempre o clube campeão levou o título, pelo menos por aqui. Nesta segunda etapa, serão todos contra um - muitos dos seus adversários irão se reforçar e incomodar. Nos últimos dez campeonatos catarinenses, apenas o Figueirense, em 2008, e a Chapecoense, em 2016, foram os campeões com as conquistas do turno e returno.


Ele diz que fica
O Coritiba corre atrás de um substituto para o cargo deixado por Paulo Cesar Carpegiani, enquanto isso, Pachequinho continua como interino no Alto da Glória. Os dirigentes do Coxa tentaram conversar com Levir Culpi e, com a rejeição do treinador, decidiram que irão procurar com tranquilidade no mercado um profissional experiente e vencedor. Vários nomes estão sendo sondados e outros oferecidos como: Jorginho, Vanderlei Luxemburgo, Argel e Enderson Moreira. O nome de Claudinei Oliveira está sendo especulado por lá e com muita força pelo bom trabalho que ele faz à frente do Avaí. Ele diz que fica, mas quando se fala em dinheiro, a coisa pode mudar.


Cartão rosa/vermelho

CARTÃO ROSA para a Feijoada da Dada, que será realizada neste sábado, dia 11, nas dependências do Sitrampa, no Pagani. A Feijoada da Dada já é um grande sucesso, uma grande festa da família palhocense, que é realizada pela família da Rosa.

CARTÃO VERMELHOS para estes vândalos que adoram destruir patrimônio público. É lamentável ver um espaço como aquele na Barra do Aririú sendo destruído por alguns psicopatas extravasarem suas iras. Como todos covardes, essas pragas usam da artimanha de se esconderem para praticar seus atos bestiais. Vandalismo é crime! Patrimônio público não pode pagar pela insatisfação de ninguém.


Drops da arquibancada
Enquanto outros estaduais reclamam, e muito, de algumas arbitragens, por aqui podemos comemorar. A rapaziada do apito, até aqui, tem se comportado com primazia.
Ficou meio excêntrico ver o novo presidente da FCF, Rubens Angelotti, fazer a entrega da taça de campeão do turno ao Avaí. O torcedor catarinense estava acostumado a ver o nostálgico Dr. Delfin fazer a entrega do troféu.
Deu gosto de ver o debute da Chapecoense na Copa Libertadores. Foi uma vitória no peito, na raça e na coragem. A Chape foi soberana, soube anular o seu adversário e o time saiu de Maracaibo com uma grande vitória diante de 40 mil torcedores.
Foi emocionante ver a festa que os torcedores do Napoli fizeram para o ex-jogador Careca, na cidade italiana. Lá eles valorizam, e muito, seus ídolos, o que não fazem por aqui. Exemplo disso é o meu querido amigo Fernandes e outros ex-jogadores.
Com a possibilidade do jogador jogar no time carioca, torcedores do Bangu criaram um abaixo-assinado contra a possível contratação do goleiro Bruno. Desde que saiu da cadeia, Bruno já recebeu umas 12 propostas.


Legendas:

Para a alegria da esposa, Claudia, do filho João Vitor, familiares e amigos, quem completou 5.0 na última sexta-feira, dia 03, foi o gente boa Osimar Apolinário, o popular Pezão

Simone Campos, da Ponte do Imaruim, feliz da vida com o seu Avaí e mais ainda por poder comemorar mais um aniversário de sua mãe, dona Graça, nesta quarta-feira, dia 08

Imagens


logo palhocense.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina