palhocense.jpg

Cartão Rosa - Edição 564 - 17/11/16

17 Novembro 2016 15:48:01

aldimar.jpg

Pensamento do Bambi
A diferença entre o Brasil e os EUA é que lá pras bandas do Tio San, entrou um presidente bilionário, e da presidência do Brasil saiu.


Seria crise?
O pentacampeão mundial Ronaldo Fenômeno resolveu desapossar-se de um dos seus mais valiosos bens: está colocando à venda sua mansão localizada no Jardim Europa, bairro nobre da capital paulista. O Fenômeno estaria disposto a entregar o imóvel pela barganha de R$ 25 milhões. O imóvel, que tem até um sistema de reciclagem, foi comprado em 2010 do ex-piloto Pedro Paulo Diniz. Seria isso reflexo da crise que está se abatendo no Brasil.


Confirmando o favoritismo
A Seleção Brasileira, que nas mãos de Dunga até pouco tempo arrastava-se na mais melancólica humilhação, fechou esta etapa das Eliminatórias na maior exaltação, ao bater o Peru, em Lima, por 2 a 0. Tite está conquistando cada vez mais a confiança do torcedor brasileiro e acabando, de vez, com certos estrelismos que pairavam no elenco brasileiro. Prova disso foi o atacante Gabriel de Jesus, que a cada jogo enche os nossos olhos, e que foi a grande estrela da noite. Apesar da pouca idade, apenas 19 anos, Jesus joga com serenidade, de cabeça erguida e não abusa do individualismo. JG está preparado para conquistar a Europa.


Baixando salários
O Figueirense está muito perto do rebaixamento para a Segundona do Campeonato Brasileiro. O Alvinegro do Estreito reconhece que a queda está se tornando cada vez mais inevitável e por conta disso já vem trabalhando para reformular o elenco para a próxima temporada, visando salários mais baixos. A medida se justifica ainda mais com a grave crise financeira que assola o Brasil e a possibilidade de que piore ainda mais em 2017. Apesar de tudo, o atacante Rafael Moura, o He-Man, segue querendo permanecer no clube para o próximo ano, independente da divisão que esteja. Será um bom alívio no caixa para um clube em situação delicada.


Confiantes no acesso
O bom time do Avaí não é um elenco qualquer que está disputando esta Série B do Brasileirão. A equipe azurra é um time de qualidade que possui jogadores que já defenderam grandes times do futebol brasileiro. A vitória de 3 a 0 sobre o Náutico mostrou um time que soube apresentar um bom futebol na primeira etapa e no segundo tempo demonstrou mais superioridade sobre o seu adversário. O Leão venceu o jogo com méritos de uma equipe que quer assegurar a sua vaga na elite do futebol brasileiro em 2107. O meia Marquinhos Santos vem provando que está igual ao bom vinho - quanto mais velho, melhor. Foi ele o grande comandante dentro de campo na vitória de sábado, na Ressacada.


Vulgarizando
Eu que já tive a oportunidade de viajar por dezenas de países, sei muito bem o que é ter orgulho e respeito ao hino nacional das nações por onde andei. No México, os cidadãos, estejam onde estiverem, ficam em pé e com a mão no peito em sinal de respeito. No Brasil, a nossa legislação obriga a execução do nosso Hino Nacional antes de qualquer partida de futebol, seja lá que série for. Diante do desrespeito que venho observando há muito tempo nos estádios brasileiros, achava melhor abolir esta ideia, diante da falta de educação da grande maioria que não está nem aí para um dos nossos mais importantes símbolos. Tem até jogadores que, desconhecendo a letra do nosso Hino, finge cantar, ou simplesmente fecha a boca.


Juntos em 2017
Duas importantes cidades de Santa Catarina voltam a marcar presença na elite do futebol catarinense no próximo ano. Tubarão e Náutico Almirante Barroso são os novos integrantes do Catarinão 2017. Ambos sobraram na Segundona Catarinense e garantiram suas vagas com duas rodadas de antecedência. O time do Sul do estado, que tem no comando o competente técnico Marcelo Mabília, retorna ao Campeonato Catarinense depois de um longo jejum. Já o Clube Náutico Almirante Barroso, após 44 anos longe do futebol profissional, irá representar a cidade de Itajaí no Catarinão. O tradicional clube da cidade dos portos é comandado pelo técnico Renê Marques, ex-goleiro do Marcílio Dias, outro tradicional clube daquela cidade que está na Segundona do nosso futebol.


Drops da arquibancada
Com uma sequência de maus resultados e não se valendo da ajuda de alguns adversários, o Joinville não aproveita as benesses que o futebol lhe oferta e a tendência é que se encaminhe para a disputa da Série C do Brasileiro. Em pouco tempo o JEC foi do paraíso ao inferno.
Tenho conversado com alguns torcedores do Figueirense sobre a situação atual do clube e dá para perceber a grande decepção com a atual diretoria. O time irá começar 2017 sob forte desconfiança, já no Campeonato Catarinense.
Faltando duas partidas, contra o Londrina no Estádio do Café, e contra o Brasil de Pelotas dentro da Ressacada, o Avaí está com a faca e o queijo na mão para garantir o seu retorno à elite do futebol brasileiro. Basta conquistar um pontinho apenas nestes dois jogos.
Não acho correta a atitude de alguns torcedores alvinegros de largarem mão de contribuir com o clube no momento mais difícil do time. Alguns estão indo na secretaria para cancelar suas carteirinha de sócios. Como diz o ditado: "é na alegria e na tristeza". É hora de unir forças.
Depois de 16 anos com o "Programa do Jô", o humorista está em contagem regressiva da Rede Globo por conta de sua demissão da plim-plim. Silvio Santos quer ter o humorista comandando um programa. Todos os caminhos o levam pro SBT.


Cartão rosa/vermelho

CARTÃO ROSA para a grande festa desta noite de quinta-feira, 17, que o jornal Palavra Palhocense estará realizando, na praça de alimentação do Shopping ViaCatarina, aonde será apresentada a seleção do futebol de Palhoça 2016. Jogadores e arbitragem terão sua noite de brilho e toda a sociedade palhocense está convidada para essa grande festa. Eu também estarei lá para prestigiar.

CARTÃO VERMELHO para esta quantidade absurda de feriados no meio da semana. O problema não são só os feriados, e sim os pontos facultativos nos serviços públicos, afetando a grande maioria do povo brasileiro, que trabalha para sustentar essa farra. Os pontos facultativos só beneficiam meia dúzia de gatos pingados e não vejo ninguém meter o dedo nesta ferida, que prejudica, e muito, a nossa pobre economia brasileira.


Legendas:

Alcebiades Julio Bastos, o Baiano, um ex-volante que jogava um futebol clássico e que defendeu o América, Catarinense, Cruzeiro da Ponte, Liverpool e os Blacks. Atualmente está aposentado, casado e morando na Ponte do Imaruim

Aldimar Faravelli, um paulista que escolheu Palhoça para viver, agora é o novo barman do Bistrô do Dedé. Aldi, como é chamado carinhosamente por todos, atende com motivação, segurança e criatividade, desenvolvendo seu trabalho com maestria

Imagens


logo palhocense.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina